Microbomba: desenvolvimento e aplicações

Arlindo Garcia de Sá Barreto Neto

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) Brasil

Valnyr Vasconcelos Lira

ORCID iD Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), Campus Esperança Brasil

Cleumar da Silva Moreira

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), Campus João Pessoa Brasil

Resumo

A introdução de agentes farmacológicos no corpo humano tem sido o foco inicial da pesquisa em sistemas de propulsão de microfluxo, conhecidos na literatura como microbombas, com vazões da ordem de 1 μl/min até 100 μl/min. No entanto, as microbombas possuem aplicações em outras áreas, como na refrigeração de circuitos microeletrônicos e, mais recentemente, em sistemas miniaturizados para análises químicas e bioquímicas. Com o aperfeiçoamento das técnicas de manufatura de dispositivos microfluídicos, surgiu o conceito de LOC (Labon-Chip), sendo todo o procedimento de análise realizado em um único dispositivo, que contém um sistema de propulsão de fluido (microbomba) e local para preparação, manipulação e análises de amostras, tudo integrado e miniaturizado. A primeira parte desse complexo sistema de análise está relacionada ao transporte do analito, da entrada até a região de detecção, sendo realizada por algum tipo de microbomba. Assim, este trabalho traz um resumo sobre os dispositivos mais usados na literatura, seus mecanismos de atuação e atuadores, tipos de válvulas e o processo de manufatura, abordando características históricas até os dias atuais. 

Palavras-chave


Microbomba; Válvulas; Atuadores; Microfluxo


Texto completo:

DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-03062015v1n28p156-168

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 2113

Total de downloads do artigo: 1577