Os enunciados do livro didático de português: um estudo sobre a violência simbólica

Edina Paula Fortes Pereto

ORCID iD Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC), Campus Chapecó Brasil

Roberta Pasqualli

ORCID iD Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC), Campus Chapecó Brasil

Resumo

Considera-se que livros didáticos representam a principal e, senão, a única fonte de material didático impresso nas salas de aula da rede estadual de ensino de Santa Catarina. Sendo assim, o presente estudo tem como objetivo analisar, de maneira crítica e reflexiva, os enunciados de um livro didático de português do 6º e 7º ano do ensino fundamental. Elaborado por meio de uma abordagem de pesquisa qualitativa com base em análise documental, investigou a violência simbólica, com enfoque na teoria de Pierre Bourdieu e por meio da perspectiva dialógica dos estudos Bakhtinianos. Como resultados, observou-se que os enunciados são apresentados, muitas vezes, de forma impositiva, comprometendo o processo de ensino-aprendizagem. O alheamento do processo de ensino-aprendizagem ocorre através de enunciados, invisíveis à primeira vista, mas que podem afastar os estudantes de uma educação justa e de qualidade.

Palavras-chave


Ensino-aprendizagem; Enunciados; Livro Didático; Violência Simbólica


Texto completo:

Referências


BAKTHIN, M. Marxismo e filosofia da linguagem: estudo das ideologias e filosofia da linguagem. 16. ed. São Paulo: Hucitec, 2014.

BARROS, D. L. P. Contribuições de Bakhtin às teorias do texto e do discurso. In: FARACO, C. A.; TEZZA, C.; CASTRO, G. (org.). Diálogos com Bakhtin. Curitiba: Ed. UFPR, 2001.

BARROS, D. L. P.; FIORIN, J. L. Dialogismo, polifonia, intertextualidade. São Paulo: EDUSP, 1994.

BITTENCOURT, C. M. F. Livro didático e conhecimento histórico: uma história do saber escolar. Tese (Doutorado em História) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 1993. DOI: https://doi.org/10.11606/T.8.2019.tde-28062019-175122. Acesso em: out. 2021.

BONNEWITZ, P. Primeiras lições sobre a sociologia de P. Bourdieu. Petrópolis: Vozes, 2003.

BOURDIEU, P. A dominação masculina. 3 ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2003.

BOURDIEU, P.; PASSERON, J. C. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. 3. ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1992.

CEREJA, W. R.; MAGALHÃES, T. C. M. Português: linguagens. (6º ao 7º ano). 9. ed. São Paulo: Saraiva, 2015.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 2008.

LISPECTOR, C. Um sopro de vida. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1978.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MATÊNCIO, M. L. M. Leitura, produção de textos e a escola: reflexões sobre o processo de letramento. Campinas: Mercado de Letras, 1994.

MELO, A.; URBANETZ, S. T. Fundamentos de didática. Curitiba: InterSaberes, 2012.

MÉSZAROS, I. A educação para além do capital. 2 ed. São Paulo: Boitempo, 2008.

MINAYO, M. C. S. (org.). Pesquisa social. Teoria, método e criatividade. Petrópolis: Vozes, 2002.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC). O Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Disponível em: http://portal.mec.gov.br/component/content/article?id=12391:pnld. Acesso em: out. 2020.

NOGUEIRA, M. A.; CATANI. A. (orgs). Pierre Bordieu. Escritos de Educação: seleção, organização, introdução e notas. 16. ed, Petrópolis: Vozes, 2015.

REGO, T. C. Vygotsky: uma perspectiva histórico-cultural da educação. Petrópolis: Vozes, 1995.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021id6382

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 143

Total de downloads do artigo: 71