Águas Inseguras? Monitoramento da qualidade da água estocada em cisternas no semiárido paraibano

Janiele França Nery

Instituto Nacional do Semiárido Brasil

Gleydson Kleyton Moura Nery

Instituto Nacional do Semiárido

Marilene Nascimento Melo

Instituto Nacional do Semiárido

Salomão Sousa Medeiros

Instituto Nacional do Semiárido

Resumo

Cisterns are alternatives that guarantee access to water in a decentralized manner. They have low environment impact and are economically viable in Brazilian semiarid. This study aimed to assess water quality stored in cisterns in a rural settlement in Cubati - semiarid of Paraíba. PH, electrical conductivity, total dissolved solids, salinity, color, turbidity, nitrogen nutrients and thermotolerant coliforms were monitored during the rainy (April and June / 2018) and dry (December / 2018) periods. The water stored in the cisterns comes from different sources between the hydrological periods, coming primarily from rainwater harvesting in the rainy season and from the supply of water trucks during the dry period. The waters, from all analyzed sources, did not present potable characteristics, presenting high values for color parameters (49.6 to 196.5 uC), turbidity (6.9 to 83.9 NTU), nitrate (2.2 10.2 mg / L), total coliforms and Escherichia coli. Thus, despite the storage of water in cisterns as a potential source of access to water for communities in the semiarid region, there is an evident need for treatment before its consumption, with rainwater harvesting being the most suitable source for more noble purposes such as drinking or cooking.

Palavras-chave


Rainwater capture. Alternative sources. Potability


Texto completo:

Referências


ADH: Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Plano das Nações Unidas para o Desenvolvimento. (PNUD). Brasília; 2004.

ALBUQUERQUE, T. M. A. Seleção multicriterial de alternativas para o gerenciamento de demanda de água na Escala de Bairro. 2004. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, 2004.

ALVES, F., KÖCHLING, T., LUZ, J., SANTOS, S. M., & GAVAZZA, S. Water quality and microbial diversity in cisterns from semiarid areas in Brazil. Journal of water and health. V.12, n. 3, p. 513-525, 2014

APHA, A.W.W.A. WEF. Standard Methods for the Examination of Water and Wastewater. 1998.

BRASIL. Manual de Controle da Qualidade da Água para Técnicos que Trabalham em ETAS. Ministério da Saúde, Fundação Nacional de Saúde. Brasília: Funasa, 2014,112 p.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria de Consolidação n° 5, de 28 de setembro de 2017. Consolidação das normas sobre as ações e os serviços de saúde do Sistema Único de Saúde. Diário Oficial da União, Brasília, 2017.

BRASIL: Ministério de Minas e Energia. Secretaria de Geologia, Mineração e Transporte Mineral. Secretaria de Desenvolvimento Energético. In Diagnóstico do Município de Cubati 2005; 2005.

COVERT, T. C.; SHADIX, L. C.; RICE, E. W.; HAINES, J. R.; FREYBERG, R W. Evaluation of the auto-analysis Colilert test for detection and enumeration of total coliforms. Applied and Environmental Microbiology, Washington, v. 54, n. 10, p. 215-229, 1989.

FILHO, J. L. O. P; SOUZA, R. F.; PETTA, R. A. Avaliação da água para consumo humano nas comunidades rurais do Campo Petrolífero Canto do Amaro-CPCA, RN, Brasil. Sustentabilidade em Debate, v. 9, n.2, p. 102-119, 2018.

FUNDAJ. 2004. Semiárido: proposta de convivência com a seca. Fundação Joaquim Nabuco. http://www.fundaj.gov.br/index.php?option=com_content&view=article& id = 659&Itemid = 376.

GNADLINGER, J.; SILVA, A. S.; BRITO, L. T. DE L. Programa uma terra e duas águas para um Semi-Árido sustentável in Potencialidades da água de chuva no Semi-Árido brasileiro. Embrapa Semi-Árido Petrolina-PE, 2007.

HADDELAND, I., HEINKE, J., BIEMANS, H., EISNER, S., FLÖRKE, M., HANASAKI, N., KONZMANN, M., LUDWIG, F., MASAKI, Y., SCHEWE, J., STACKE, T., TESSLER, Z. D., WADA, Y., & WISSER, D. Global water resources affected by human interventions and climate change. Proceedings of the National Academy of Sciences. V. 111, n. 9, p. 3251–3256, 2014.

HELLER, L. Saneamento e Saúde. Brasília: OPAS/OMS Representação do Brasil. 1997.

HOWARD, G.; BARTRAM, J. “Domestic water quantity: service level and health”. Geneva: WHO - World Health Organization. 33p, 2003.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Senso, 2010.

ISMAEL, D. A. M.; MORAE, C. E. P.; TEXEIRA, L. D. S. L.; ISMAEL, F. C. M. Panorama do abastecimento de água na Paraíba: breve análise contextual. Revista Verde, v 9, n. 5 , p. 98 - 102, dez, 2014.

KIM, R.H; LEE, S.; KIM, J.O. Application of a metal membrane for rainwater utilization: Filtration characteristics and membrane fouling. Desalination, v. 177, p. 121-132, 2009.

LEAL, A. K. T. B. N; Cisterna de Placa: Uma Tecnologia Social para a Convivência com o Semiárido. Anais 5ᵒ Simpósio de Tecnologia em Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Jaú-São Paulo, 149-158 p. 2013.

MARENGO, J. A; ALVES, L. M; BESERRA, E.A; LACERDA, F.F. Variabilidade e mudanças climáticas no semiárido brasileiro. Anais RECURSOS HÍDRICOS EM REGIÕES ÁRIDAS E SEMIÁRIDAS. ISBN: 978-85-64265-01-1.Instituto Nacional do Semiárido, Campina Grande - PB: 384 p. 2011.

MOREIRA NETO, R.F.; CALIJURI, M.L.; CARVALHO, I.C.; SANTIAGO, A.F. Rainwater treatment in airports usings lows and filtration followed by chlorination: Efficiency and costs. Resources, Conservation and Recycling, v. 65, p. 124-129, 2012.

SOUSA, R.S.; MENEZES, L.G.C.; FELIZZOLA, J.F.; FIGUEIREDO, R.O; SÁ, T.D.A; GUERRA, G.A.D. Água e saúde no município de Igarapé-Açu, Pará. Saúde e Sociedade, v. 25, n. 4, p. 1095-1107, 2016.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021v1n54p113-120

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 254

Total de downloads do artigo: 181