Diretrizes para manutenção de postes de concreto armado: proposta baseada em estudo de caso em rede de distribuição

Mariana de Almeida Motta Rezende

ORCID iD Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Brasil

Almir Sales

ORCID iD Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Brasil

Resumo

Este trabalho propôs diretrizes para a manutenção de postes de concreto armado para as redes elétricas e de iluminação. A preocupação se deu pelo fato de que a responsabilidade de manutenção desses equipamentos urbanos é das prefeituras, entretanto, na prática, não se observa preocupação por parte desse órgão. A proposta de diretrizes de manutenção foi baseada em um estudo de caso realizado na cidade de Ribeirão Preto - SP por meio de ensaios de profundidade de carbonatação nos postes, uma técnica simples, que pode ser executada por profissionais sem elevada qualificação. Com base nas diretrizes, a tomada de decisão é de fácil interpretação. Dessa forma, evita-se arcar com as consequências do colapso de postes de concreto armado, tais como: interrupção do fornecimento de energia ou acidentes fatais quando estes caem sobre seres humanos.

Palavras-chave


Carbonatação; Concreto; Manutenção; Postes


Texto completo:

Referências


ABNT - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 8451 - Postes de concreto armado para redes de distribuição de energia elétrica - Especificação. ABNT: Rio de Janeiro, 1998.

ABNT - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 15575 - Edificações habitacionais — Desempenho - Parte 1: Requisitos gerais. ABNT: Rio de Janeiro, 2013.

ABNT - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6118 - Projeto de estruturas de concreto — Procedimento. ABNT: Rio de Janeiro, 2014.

ANEEL - AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA. Resolução ANEEL no 414, de 19 de setembro de 2010 - Estabelece as Condições Gerais de Fornecimento de Energia Elétrica de forma atualizada e consolidada. 2010. Disponível em: http://www2.aneel.gov.br/cedoc/ren2010414.pdf. Acesso em: 23 jun. 2021.

CELG DISTRIBUIÇÃO. NTC-01 - Postes de Concreto armado para redes de distribuição e de transmissão - Especificação e padronização. Osasco, 2014.

FRANÇOIS, R.; LAURENS, S.; DEBY, F. Steel corrosion in reinforced concrete. In: Corrosion and its consequences for reinforced concrete structures. Elsevier, 2018, Cap. 1, p. 1-41. DOI: https://doi.org/10.1016/B978-1-78548-234-2.50001-9.

GUIMARÃES, P. R. B. Métodos quantitativos estatísticos. Curitiba: IESDE Brasil, 2007.

HELENE, P. R. L. Contribuição ao estudo da corrosão em armaduras de concreto armado. 1993. Tese (Livre Docente do Departamento de Engenharia de Construção Civil) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 1993. Disponível em: http://www.phd.eng.br/wp-content/uploads/2014/07/TD1.pdf. Acesso em: 27 fev. 2022.

IPEA – INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA. Emissões relativas de poluentes do transporte motorizado de passageiros nos grandes centros urbanos brasileiros. 2011. Disponível em: http://www.en.ipea.gov.br/agencia/images/stories/PDFs/TDs/td_1606.pdf. Acesso em: 28 jun. 2021.

JORNALI. Dois trabalhadores feridos com gravidade após queda de poste de iluminação. 2021. Disponível em: https://ionline.sapo.pt/artigo/731991/dois-trabalhadores-feridos-com-gravidade-apos-queda-de-poste-de-iluminacao?seccao=Portugal_i. Acesso em: 2 jul. 2021.

KADDAH, F.; RANAIVOMANANA, H.; AMIRI, O.; ROZIÈRE, E. Accelerated carbonation of recycled concrete aggregates: investigation on the microstructure and transport properties at cement paste and mortar scales. Journal of CO2 Utilization, v. 57, p. 1-11, 2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jcou.2022.101885.

KRAKHMAL’NY, T. A.; EVTUSHENKO, S. I.; KRAKHMAL’NAYA, M. P. New system of monitoring of a condition of cracks of small reinforced concrete bridge constructions. Procedia Engineering, v. 150, p. 2369-2374, 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.1016/j.proeng.2016.07.322.

MEHTA, P. K.; MONTEIRO, Paulo J. M. Concreto: microestrutura, propriedades e materiais. 4. ed. São Paulo: Ibracon, 2014.

MINFRA – MINISTÉRIO DA INFRAESTRUTURA. Frota municipal de veículos do Brasil - maio de 2021. 2021. Disponível em: https://www.gov.br/infraestrutura/pt-br/assuntos/transito/conteudo-denatran/frota-de-veiculos-2021. Acesso em: 19 mar. 2022.

MING, J.; WU, M.; SHI, J. Passive film modification by concrete carbonation: re-visiting a corrosion-resistant steel with Cr and Mo. Cement and Concrete Composites, v. 123, n. p. 104178, 2021. DOI: https://doi.org/10.1016/j.cemconcomp.2021.104178.

RIBEIRO, D. V.; SALES, A.; SOUSA, C. A. C.; ALMEIDA, F. C. R.; CUNHA, M. P. T.; LOURENÇO, M. Z.; HELENE, P. R. L. Corrosão e degradação em estruturas de concreto armado: teoria, controle e métodos de análise. 2. ed. São Paulo: Elsevier, 2018.

RILEM. CPC-18 - Measurement of hardened concrete carbonation depth, 1988.

SHASTRY, V.; RAI, V. Reduced health services at under-electrified primary healthcare facilities: evidence from India. PLoS ONE, v. 16, n. 6, p. 1-18, 2021. DOI: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0252705.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021id6555

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 116

Total de downloads do artigo: 43