O papel do gestor escolar: possibilidades e desafios em algumas escolas do Alto Sertão paraibano

Welvis Emanuel Oliveira Machado

ORCID iD Escola Estadual de Ensino Fundamental América Florentino, Juru (PB) Brasil

Resumo

O presente artigo objetivou analisar e refletir sobre o perfil dos profissionais da educação ocupantes do cargo de gestão escolar em algumas escolas públicas urbanas localizadas na região do Alto Sertão paraibano durante o período de 2017 a 2018. O estudo possui natureza quanti-qualitativa, tendo sido realizado por meio de questionário semiestruturado aplicado aos profissionais supramencionados em suas respectivas escolas e durante o horário de trabalho deles. Foi tomado como base o questionário contextual da Prova Brasil, aplicada no ano de 2015 sob responsabilidade do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), órgão vinculado ao MEC (Ministério da Educação). Os tópicos elencados para esta pesquisa foram o gênero e a remuneração salarial dos gestores escolares; tais dados constituíram o cenário desta pesquisa. Após a coleta dos dados, compararam-se seus resultados aos resultados obtidos no questionário contextual da Prova Brasil – foram observados o Brasil e o estado da Paraíba, ambos com foco nas escolas públicas e urbanas. Ao estabelecer o paralelismo dos cenários, foi possível perceber que as realidades aqui pesquisadas possuem desafios semelhantes e diferentes possibilidades de atuação no âmbito da gestão, principalmente quando observada a remuneração salarial desses profissionais.

Palavras-chave


Alto Sertão paraibano; gestores escolares; Prova Brasil; questionário contextual


Texto completo:

Referências


BRASIL. Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008. Regulamenta a alínea “e” do inciso III do caput do art. 60 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, para instituir o piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica. Brasília, DF: Presidência da República, 2008. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11738.htm. Acesso em: 28 set. 2017.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República, 2014. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm. Acesso em: 28 set. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Portaria nº 931, de 21 de março de 2005. Institui o Sistema de Avaliação da Educação Básica – SAEB, que será composto por dois processos de avaliação: a Avaliação Nacional da Educação Básica – ANEB e a Avaliação Nacional do Rendimento Escolar – ANRESC. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, ano 142, n. 55, p. 17, 22 mar. 2005.

BRASIL. Ministério da Educação. Gabinete do Ministro. Portaria Interministerial nº 8, de 29 de novembro de 2017. Altera a Portaria Interministerial MEC/MF nº 8, de 26 de dezembro de 2016, que estabelece os parâmetros operacionais para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação - Fundeb, no exercício de 2017, e dá outras providências. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, ano 154, n. 229, p. 67-68, 30 nov. 2017.

FONSECA, J. J. S. Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UEC, 2002. Apostila.

GADOTTI, M.; ROMÃO, J. E. (org.) Autonomia da educação: princípios e propostas. São Paulo: Cortez, 1997.

GASPARI, L. T. Educação e memória: imagens femininas nas “gêmeas do Iguaçú” nos anos 40 e 50. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual de Ponta Grossa, Ponta Grossa, 2003.

LÜCK, H. Dimensões da gestão escolar e suas competências. Curitiba: Editora Positivo, 2009.

LUDWING, A. C. W. Métodos de Pesquisa em Educação. Revista Temas em Educação, João Pessoa, v. 23, n. 2, p. 204-233, jul.-dez. 2014. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/rteo/article/view/18881. Acesso em: 5 jun. 2023.

MARTINS, A. M.; SOUSA, S. Z.; MACHADO, C.; REAL, G. C. M.; BRAVO, M. H. A. Cenários de gestão de escolas municipais no Brasil: questionário contextual da Prova Brasil. Cadernos de Pesquisa, v. 48, n. 170, p. 1038-1061, out./dez. 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/198053145511.

MARTINS, J. P. Administração Escolar. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

PORTAL QEDU. Questionário contextual. 2015. Disponível em: https://academia.qedu.org.br/prova-brasil/questionario-contextual/?repeat=w3tc. Acesso em: 13 jun. 2023.

PINTO, J. M. R. Remuneração adequada do professor: desafio à educação brasileira. Revista Retratos da Escola, Brasília, DF, v. 3, n. 4, p. 51-67, jan./jun. 2009. Disponível em: https://cnte.org.br/images/stories/2012/revista_retratosdaescola_04_2009_remuneracao_adequada.pdf. Acesso em: 1 jun. 2023.

PRAIS, M. L. M. Administração colegiada na escola pública. 3. ed. Campinas: Papirus, 1994.

SAVIANI, D. Educação: do senso comum à consciência filosófica. 12. ed. Campinas: Autores Associados, 1996.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 5. ed. São Paulo: Autores Associados, 1995.

SILVA, E. P. A importância do gestor educacional na instituição escolar. Revista Conteúdo, Capivari, v. 1, n. 2, p. 67-83, jul./dez. 2009.

SOUZA, Â. R.; GOUVEIA, A. B. Diretores de escolas públicas: aspectos do trabalho docente. Educar em Revista, n. esp. 1, p. 173-190, 2010. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-40602010000400009.

VIDAL, E. M.; VIEIRA, S. L. Perfil e Formação de Gestores Escolares no Brasil. Dialogia, São Paulo, n. 19, p. 47-66, jan./jun. 2014. DOI: https://doi.org/10.5585/dialogia.N19.4984.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021id6039

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 896

Total de downloads do artigo: 542