Influência dos drenos fibroquímicos no tempo de adensamento de solo: um caso de estudo

Maria Mariana Azevedo dos Santos

ORCID iD Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Brasil

Maria Isabela Marques da Cunha Vieira Bello

ORCID iD Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Brasil

Yago Ryan Pinheiro dos Santos

ORCID iD Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Brasil

Resumo

Drenos fibroquímicos ou geodrenos são elementos constituídos por materiais sintéticos que são cravados verticalmente no terreno, de forma a permitir a drenagem e consequentemente a ocorrência da maior parte do recalque antes da execução da obra. Este artigo apresenta a influência do uso de geodrenos no tempo de adensamento de quatro trechos de aterro de solo mole, localizado no Complexo Industrial Portuário de Suape. Foram utilizados resultados dos coeficientes de adensamento obtidos em ensaios de laboratório e de campo e foram definidas as necessidades do projeto (profundidade dos drenos, tempo e grau de adensamento) e determinadas as grandezas geométricas dos geodrenos. Os valores de espaçamento entre os geodrenos e o tempo de adensamento na situação com e sem o uso de geodrenos foram comparados. Verificou-se que, quanto maior é o valor do coeficiente de permeabilidade horizontal, mais eficaz é uso dos geodrenos, pois aumenta o espaçamento entre eles e reduz o número de drenos necessários e o tempo de adensamento. Quanto ao coeficiente de adensamento vertical, observou-se que, quanto menor for o seu valor, maior será a vantagem em termos de tempo de adensamento. O uso de geodrenos proporcionou acentuada redução no tempo de adensamento do aterro, possibilitando deformações desejadas.

Palavras-chave


aterros sobre solos moles; geodrenos; recalque


Texto completo:

Referências


ALMEIDA, M. S. S.; MARQUES, M. E. S. Aterros sobre solos moles: projeto e desempenho. São Paulo: Oficina de Textos, 2010.

BELLO, M. I. M. C. V. Parâmetros geotécnicos e banco de dados de argilas moles: o caso de Suape. 2011. 320 f. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.

BELLO, M. I. M. C. V.; COUTINHO, R. Q.; NORBERTO, A. S. Evaluation of Sample Quality and Correction of Compressibility and Strength Parameters – Experience with Brazil Soft Soils. Soils and Rocks, v. 42, n. 3, p. 245-263, 2019. DOI: https://doi.org/10.28927/SR.423245.

BERGADO, D. T.; MANIVANNAN, R.; BALASUBRAMANIAM, A. S. Proposed Criteria for Discharge Capacity of Prefabricated Vertical Drains. Geotextiles and Geomembranes, v. 14, n. 9, p. 481-505, 1996. DOI: https://doi.org/10.1016/S0266-1144(96)00028-3.

DNIT – DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES. Projetos básico e executivo de engenharia para as obras de restauração, manutenção e conservação de rodovia C.R.E.M.A. 2ª ETAPA. Brasília, DF: DNIT, 2013. Disponível em: https://portal.antt.gov.br/documents/359170/fb2c76cb-6531-018b-833b-8ccea556eaf0. Acesso em: 1 jun. 2018.

HANSBO, S. Experience of consolidation process from test areas with and without vertical drains. In: INDRARATNA, B.; CHU, J. Ground Improvement — Case Histories. Amsterdam: Elsevier, 2005. cap. 1, p. 3-49. (Elsevier Geo-Engineering Book Series, v. 3). DOI: https://doi.org/10.1016/S1571-9960(05)80004-7.

HANSBO, S.; JAMIOLKOWSKI, M.; KOK, L. Consolidation by vertical drains. Géotechnique, v. 31, n. 1, p. 45-66, 1981. DOI: https://doi.org/10.1680/geot.1981.31.1.45.

HOLTZ, R. D.; JAMIOLKOWSKI, M. B.; LANCELLOTTO, R.; PEDRONI, R. Prefabricated Vertical Drains: Design and Performance. Oxford: Butterworth-Heinnemann, 1991.

JAMIOLKOWSKI, M.; LADD, C. C.; GERMAINE, J. T.; LANCELLOTTA, R. New developments in field and laboratory testing of soils. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON SOIL MECHANICS AND FOUNDATION ENGINEERING, 11., 1985, San Francisco. Proceedings […]. Londres: International Society for Soil Mechanics and Geotechnical Engineering, 1985. v. 1, p. 57-153. Disponível em: https://www.issmge.org/publications/publication/new-developments-in-field-and-laboratory-testing-of-soils. Acesso em: 10 maio 2017.

MADEIRA, H. U. R. Estudo de viabilidade técnica e econômica para projeto geotécnico de aterro sobre solo mole – aplicação ao caso do trecho rodoviário Ramo 300, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. 2016. 65 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Civil) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2016. Disponível em: http://www.repositorio.poli.ufrj.br/monografias/monopoli10016706.pdf. Acesso em: 12 out. 2017.

OLIVEIRA, H. M.; ALMEIDA, M. S. S.; MARQUES, M. E. S. Aplicações em Adensamento de Solos Compressíveis. In: VERTEMATTI, J. C. (coord.). Manual Brasileiro de Geossintéticos. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2015. p. 357-380.

TERZAGHI, K. Theoretical soil mechanics. New York: John Wiley & Sons, 1943. DOI: http://dx.doi.org/10.1002/9780470172766.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021id5001

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 268

Total de downloads do artigo: 111