Cenários de mudanças climáticas influenciando a germinação e vigor de sementes de Mimosa tenuiflora e Cenostigma pyramidalis

Maria do Carmo Learth Cunha

http://lattes.cnpq.br/8486182792346558 Universidade Federal de Campina Grande Brasil

Thiago Costa Ferreira

http://lattes.cnpq.br/9961813084443213 INSA - Instituto Nacional do Semiárido Brasil

Roberta Patrícia de Sousa Silva

http://lattes.cnpq.br/4833024560947320 Universidade Federal de Campina Grande Brasil

Resumo

Climatic changes occurring on the planet can cause problems in the physiological behavior of plant seeds from the Caatinga biome. The objective of this research was to evaluate a reference scenario to climate changes in the germination and vigor of Mimosa tenuiflora and Cenostigma pyramidalis seeds. For this, different treatments of environmental stress (combinations of temperature, relative humidity, luminous intensities, and water stresses) were tested on seeds of M. tenuiflora and C. pyramidalis. Using Gerbox boxes with vermiculite substrate, the assays were assembled in CRD, and evaluated for variations related to germination and seed and seedlings vigor. The results obtained were obtained by ANOVA and by the Scott-Knott means test. The germination and vigor of M. tenuiflora seeds and seedlings were reduced after a temperature of 30°C. C. pyramidalis seeds germinated only under conditions of alternating temperature, absence of water stress and cannot tolerate temperatures above 30°C. Climatic changes can affect the germination and vigor of the studied species. Research with this theme must be carried out to improve the management of these species in relation to the effects of climate changes.

Palavras-chave


Seed Technology. Semiarid. Catingueira. Jurema Preta


Texto completo:

Referências


ALVES, M. M.; ALVES, E. U.; LIMA, M. L. S.; RODRIGUES, C. M.; SILVA, B. F. Germinação de Sementes de Platymiscium floribundum vog. (Fabaceae) sob a Influência da Luz e Temperaturas. Ciência Florestal, v. 26, n. 3., 2016.

https://periodicos.ufsm.br/cienciaflorestal/article/view/24225/14178

AMBRIZZI, T.; ARAÚJO, M. Sumário Executivo do Volume 1 - Base Científica das Mudanças Climáticas. Contribuição do Grupo de Trabalho 1 para o 1ºC Relatório de Avaliação Nacional do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas. Rio de Janeiro: Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas, 34p. 2012.

ARAÚJO, L. V. C.; LEITES, J. B. Estimativas de Produção de Biomassa de um povoamento de jurema preta (Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir. Com cinco anos de idade. Revista Biomassa e Energia, v. 1, p. 347-352, 2004.

AVRELLA, E. D.; BARATTO, B.; LUEHHESE, J. R.; NAVROSKI, M. C.; FIOR, C. S. Estresse hídrico e salinidade na germinação de sementes de Mimosa scabrella Benth. Revista Espacios, v. 38 (NºC 47) Pág. 24, 2017.

https://www.revistaespacios.com/a17v38n47/a17v38n47p24.pdf

AZEVÊDO, S. M. A.; BAKKE, I. A.; BAKKE, O. A. B.; FREIRE, L. O. Crescimento de Plântulas de Jurema preta (Mimosa tenuiflora (Wild) Poiret) em Solos de Áreas Degradadas da Caatinga. Engenharia Ambiental - Espírito Santo do Pinhal, v. 9, n. 3, p. 150-160, jul/set. 2012.

file:///D:/Documents/ARTIGOS%20COM%20THIAGO/EAPT-2011-745.pdf

BARBOSA, D. C. A.; BARBOSA, M. C. A.; LIMA, L. C. M. Fenologia de Espécies Lenhosas da Caatinga. In: Leal, I. r.; TABARELLI, M.; SILVA, J. M. C. (Org). Ecologia e Conservação da Caatinga, p. 657-693, 2003.

CARVALHO, N. M.; NAKAGAWA, J. Sementes: ciência, tecnologia e produção. 5.ed. FUNEP: Jaboticabal, 590p. 2012.

CARVALHO, E. C. D.; SOUZA, B. C.; TROVÃO, D. M. B. M. Ecological succession in two remanants of the Caatinga in the semi-arid tropics of Brazil. Revista Brasileira de Biociências, v. 10, p. 13-19, 2011.

file:///D:/Documents/ARTIGOS%20COM%20THIAGO/1635-12737-1-PB.pdf

CARVALHO, D. B.; CARVALHO, R. I. N. Qualidade fisiológica de sementes de guanxuma em influência do envelhecimento acelerado e da luz. Acta Scientiarum. Agronomy, Maringá, v. 31, n. 3, p. 489-494, 2009.

http://www.scielo.br/pdf/asagr/v31n3/a18v31n3.pdf

FERREIRA, J. V. A.; MEIADO, M. V.; FILHO, J. A. S. Efeito dos Estresses Hídrico, Salino e Térmico na Germinação de Sementes de Handroanthus spongiosus (RIZZINI) S. Grose (Bignoniaceae). Gaia Scientia v. 11 (4): 57-64, 2017.

https://www.periodicos.ufpb.br/index.php/gaia/article/view/35470/19179

GONDIM, T. M. DE. S.; CAVALCANTE, L. F.; BELTRÃO, N. E. DE M. Aquecimento global: salinidade e consequências no Comportamento vegetal. Revista Brasileira de Oleaginosas e Fibrosas, Campina Grande, v. 14, n. 1, p. 37-54. 2010.

https://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/bitstream/doc/862856/1/RBOF143754.pdf

GUEDES, R. S.; ALVES, E. U.; GONÇALVES, F. E.; JÚNIOR, J. M. B.; VIANA, J. S.; COLARES, P. N. Q. Substratos e Temperaturas para Testes de Germinação e Vigor de Sementes de Amburana cearensis (Allemão) A.C. Smith. Revista Árvore, Viçosa-MG, v.34, n.1, p.57-64, 2010

http://www.scielo.br/pdf/rarv/v34n1/v34n1a07

HOLANDA, A. E. R.; FILHO, S. M.; SAMPAIO DIOGO, I. J. Influência da Luz e da Temperatura na Germinação de Sementes de Sabiá (Mimosa caesalpiniifolia Benth.- Fabaceae). Gaia Scientia v, 9(1): 22-27. 2015.

https://periodicos.ufpb.br/index.php/gaia/article/view/18535/13191

INPE. Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações, e Comunicações. Disponível em < http://www.inpe.br/> Acesso em 13 de janeiro de 2018.

LIMA, C. R.; PACHECO, M. V.; BRUNO, R. L. A.; FERRARI, C. S.; JÚNIOR, J. M. B.; BEZERRA, A. K. D. Temperaturas e Substratos na Germinação de Sementes de Caesalpinia pyramidalis TUL. Revista Brasileira de Sementes, vol. 33, n 2 p. 216 - 222, 2011.

http://www.scielo.br/pdf/rbs/v33n2/03.pdf

LORENZI, H. Árvores brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil, vol. 3. Nova Odessa, SP: Instituto Plantarum, 348 p. 2009.

LUCENA, J. N.; SOUTO, P. C.; ZEA-CAMAÑO, J. D.; SOUTO, J. S.; SOUTO, L. S. Arborização em canteiros centrais na cidade de Patos, Paraíba. Revista Verde; 10(4): 20-26. 2015.

MAGUIRE, J.D. Speed of germination-aid in selection and evaluation for seedling emergence and vigor. Crop Science, Madison, v.2, n.1, p.176-7, 1962.

http://dx.doi.org/10.2135/cropsci1962.0011183X000200020033x

MARCOS FILHO, J. Fisiologia de Sementes de Plantas Cultivadas. Piracicaba: FEALQ, 2005. 495p.

NASCIMENTO, H. H. C.; NOGUEIRA, R. J. M. C.; SILVA, E. C.; SILVA, A. Análise do Crescimento de Mudas de Jatobá (Hymenaea courbaril l.) em Diferentes Níveis de Água no Solo. Revista Árvore, Viçosa-MG, v.35, n.3, Edição Especial, p.617-626, 2011.

http://www.scielo.br/pdf/rarv/v35n3s1/05.pdf

OLIVEIRA, D. M.; LIMA, A. T.; ROCHA, E. A.; MEIADO, M. V. O aumento da temperatura reduz a tolerância ao estresse hídrico na germinação de sementes de Pereskia grandifolia Haw. subsp. grandifolia (Cactaceae)?. Gaia Scientia. Volume 11(4): 26-36, 2017.

https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/gaia/article/view/35466/19174

OLIVEIRA, E.; VITAL, B. R.; PIMENTA, A. S; DELLA LUCIA, R. M.; LADEIRA, A. M. M.; CARNEIRO, A. C. O. Estrutura anatômica da madeira e qualidade do carvão de Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir. Revista Árvore, v.30, n.2, p.311-318, 2006.

http://www.scielo.br/pdf/rarv/v30n2/a18v30n2.pdf

PACHECO, M. V.; MATOS, V. P.; FERREIRA, R. L. C.; FELICIANO, A. L. P.; PINTO, K. M. S. Efeito de temperaturas e substratos na germinação de sementes de Myracrodruon urundeuva Fr. All. (ANACARDIACEAE). Revista Árvore, Viçosa, v. 30, n. 3, p. 359-367, 2006.

http://www.scielo.br/pdf/rarv/v30n3/a06v30n3

PEREZ, S.C.J.G.A.; FANTI, S.C.; CASALI, C.A. Influência da luz na germinação de canafístula submetidas ao estresse hídrico. Bragantia, Campinas, SP, v.60, n.3, p.155166, 2001.

http://www.scielo.br/pdf/brag/v60n3/a02v60n3.pdf.

SCALON, S. P. Q.; SENE, P. A. L.; ZATTI, D. A.; MUSSURY, R. M.; SCALON

SENA, F. H.; LUSTOSA, B. M.; ALMEIDA-CORTEZ, J. S. Ecofisiologia da Germinação de Sementes de Anadenanthera colubrina (vell.) brenan (Fabaceae). Gaia Scientia, v. 11 (4): 1-8, 2017.

https://periodicos.ufpb.br/index.php/gaia/article/view/35463/19171

SILVA, M. F. A; SANTOS, N. S; SANTOS, C. E. L; WHITE, B. L. A. Avaliação da Temperatura do Solo, Temperatura do Ar e Umidade Relativa do Ar em uma Clareira de Mata Atlântica no Município de São Cristóvão, Sergipe, Brasil. Agroforestalis News, Aracaju, v.1, n.1, set, 2016.

file:///D:/Documents/ARTIGOS%20COM%20THIAGO/5343-15772-7-PB.pdf

SILVA, L. M. M.; RODRIGUES, T. J. D.; AGUIAR, B. A. Efeito da luz e da temperatura na germinação de sementes de aroeira (Myracrodruon urundeuva Allemão). Revista Árvore, Viçosa, v. 26, n. 6, p.691-697, 2002.

http://www.scielo.br/pdf/rarv/v26n6/a06v26n6.pdf

STEFANELLO, R.; GARCIA, D. C.; MENEZES, N. D.; MUNIZ, M. F. B.; WRASSE, C. F. Efeito da luz, temperatura e estresse hídrico no potencial fisiológico de sementes de funcho. Revista Brasileira de Sementes, 28(2): 135-141. 2006.

http://www.scielo.br/pdf/rbs/v28n2/a18v28n2.pdf

VIRGENS, I. O.; CASTRO, R. D.; FERNANDEZ, L. G.; PELACANI, C. R. Comportamento fisiológico de sementes de Myracrodruon urundeuva Fr. All. (Anacardiaceae) submetidas a fatores abióticos. Ciência Florestal, v.22, n.4, p.681-692, 2012.

https://periodicos.ufsm.br/cienciaflorestal/article/view/7550/pdf

WALCK, J. L.; HIDAYATI, S. N.; DIXON, K. W.; THOMPSON, K.; POSCHLOD, P.. Climate change and plant regeneration from seed. Global Change Biology, v. 17, n. 6, p. 2145-2161. 2011.

https://www.researchgate.net/publication/229895482_Climate_change_and_plant_regeneration_from_seed


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-0306a2021v1n54p62-70

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 338

Total de downloads do artigo: 115