Extração Hidrometalurgica do potássio presente na rocha Nefelina-Sienito, em função da variação da granulometria e aplicação de tratamento térmico

Defsson Douglas de Araújo Ferreira

ORCID iD Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), campus Picuí Brasil

Danúbio Leonardo Bernardino de Oliveira

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), campus Picuí Brasil

João Batista de Sousa Santos

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), campus Picuí Brasil

Vinícius Rewel do Nascimento Cordeiro

Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) Brasil

Resumo

As rochas que possuem minerais com Potássio em sua composição química, como por exemplo, Sienito e Nefelina-Sienito, constituem uma fonte alternativa e potencialmente viável para extração desse elemento, no entanto, por questões estruturais esse Potássio encontra-se insolúvel e não pode ser absorvido pelas plantas. Considerando que o Brasil importa quase que completo o Potássio que a indústria agrícola requer, é necessário buscar formas e rotas alternativas de aproveitamento de fontes potencialmente produtoras. Nesse sentido, foi proposta uma rota de beneficiamento mineral e extração metalúrgica com objetivo de tornar solúvel e utilizável o Potássio presente em rochas Nefelina-Sienito extraídas no município de Pedra Lavrada/PB. A metodologia consiste em aplicar o tratamento térmico, e extração hidrometalúrgica com ácido cítrico, para analisar a solubilidade do Potássio em duas faixas granulométricas, definidas por caracterização granuloquímica. Os resultados da análise granuloquímica mostraram que as maiores concentrações do elemento de interesse estavam nas faixas: retido em 200 e passante em 200 malhas. Já os resultados da extração metalúrgica em função das diferentes temperaturas experimentadas mostraram que o maior percentual de solubilidade (7,68%) foi para as amostras com granulometria inferior à 200 malhas e temperatura de calcinação igual a 1000°C.

Palavras-chave


Potássio; Tratamento térmico; Hidrometalurgia


Texto completo:

Referências


Agência Nacional de Mineração - Anuário Mineral Brasileiro 2017. Disponível em: http://www.anm.gov.br/dnpm/publicacoes/serie-estatisticas-e-economiaminer/anuariomineral/anuario-mineral-brasileiro. Acesso em: 02 de julho de 2019.

FELIX, A.A.S., Síntese e Caracterização Estrutural de Materias com Liberação Controlada de Potássio. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Química, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro (Brasil), 2014.

KLEIN, C., HURLBUT, C.S. Manual de Mineralogía. Rio de Janeiro: Vertente, 2010.

LAPIDO-LOUREIRO, F.E., & NASCIMENTO, M. Fertilizantes: Agroindústria Sustentabilidade; Rio de Janeiro: Centro de Tecnologia Mineral;. Importância e Função dos Fertilizantes numa Agricultura Sustentável e Competitiva, 2009.

LUZ, A.B., SAMPAIO, J.A., FRANÇA, S.C. Tratamento de Minérios; Rio de Janeiro: Centro de Tecnologia Mineral, 2018, p. 70-76.

OROSCO, P., RUIZ, M.C. Potassium chloride production by microcline chlorination. ThermochimicaActa, v.613, p.108-112, 2015.

SOARES, T.H., DA LUZ, A.B., FELIX, A.A.S. A Rocha Sienito como fonte de Potássio para Agricultura: Estudos de ativação e Reação com CaO. In: Anais Encontro Nacional de Tratamento de Minérios e Metalurgia Extrativa, 2017.

VAN STRAATEN, P. Rochas e Minerais como Fertilizantes Alternativos na Agricultura: Uma Experiência Internacional. In: Agrominerais para o Brasil; Francisco Fernandes, Adão B. Luz e Zuleica Castilhos, 2010.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/1517-03062015v1n49p129-134

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 688

Total de downloads do artigo: 482