O USO DA PLATAFORMA MOODLE COMO FERRAMENTA DE APOIO AO ENSINO NO IFPB - CAMPUS JOÃO PESSOA

José Elber Marques Barbosa

http://orcid.org/0000-0002-8166-8402 IFPB - João Pessoa Brasil

Servidor do IFPB desde 2010, lotado na UAG no campus João Pessoa. Ministro, atualmente, diciplinas de Administraçao de Sistemas de Informação e Práticas de Pesquisa em Administração de Sistemas de Informação.

Resumo

A tecnologia tem proporcionado mudanças e inovações múltiplas. Aplicações de tecnologia da informação passaram a promover mudanças significativas no processo de ensino-aprendizagem, fazendo com que docentes busquem formas de usufruir dos benefícios proporcionados por essas transformações, e uma delas é a utilização de Ambientes Virtuais de Ensino-Aprendizagem. Diante disso, o presente identificou a usabilidade da plataforma Moodle como ferramenta de apoio ao ensino sob da percepção dos docentes do IFPB, Campus João Pessoa. A pesquisa de abordagem quantitativa de coleta e análise de dados, encaminhada para 380 docentes, focou nos que utilizavam o Moodle. A usabilidade da plataforma se mostrou em alta para a maioria dos sujeitos. Evidenciadas as percepções da facilidade e praticidade de manuseio e de aprendizado de funcionalidades do Moodle aplicadas ao ensino, da objetividade de criação de AVEA a partir do diário de classe no SUAP, de como a Ferramenta pode ser incluída como método de ensino-aprendizado, por permitir o desenvolvimento de aulas a distância e socialização de conhecimentos on-line. A percepção de compatibilidade do Moodle com a atividade docente ficou comprovada quando resguardada por um Suporte atuante, que torna o trabalho do professor efetivo, com benefícios para docentes e discentes.

Texto completo:

Referências


ALMEIDA, M. E. B. de. Educação a distância na internet: abordagens e contribuições dos ambientes digitais de aprendizagem. Educ. Pesqui., São Paulo , v. 29, n. 2, p. 327-340, Dez. 2003. Disponível em: . Acesso em dez.2019.

ANSELMINI, J; BREITENBACH, I, M, S. Percepção dos Colaboradores de uma Empresa de TI Localizada no Vale dos Sinos/RS acerca dos Resultados da Pesquisa de Clima Organizacional In: MOSTRA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO. XV. 2015. Caxias do Sul. Anais... Caxias do Sul: US, 2015.

BARBETTA, P. A. Estatística aplicada às ciências sociais. 7. ed. Florianópolis: UFSC, 2008.

BARBOSA, José Elber et al. Prática de pesquisa em administração de sistema de informação. João Pessoa: IFPB, 2012. E-book. Disponível em: . Acesso em: 11 out.2019.

BARROS, W. M. et al. Uso do Moodle como Ferramenta de apoio ao ensino de Fisiologia Human em curso da área da saúde. Revista Biomotriz. Cruz Alta, v.7, n. 2, Dez. 2013. Disponível em: . Acesso em nov.2019.

BAUM, J. Ecologia Organizacional. In. CLEGG, S; HARDY, C. NORD, W. Handbook de estudos organizacionais. v. 1. São Paulo: Atlas, 2007.

BEGGIORA, H. Como criar quizz e estudar com jogos. TechTudo. São Paulo, 08 out. 2019. Disponível em < https://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/2019/10/kahoot-como-criar-quiz-e-estudar-com-jogos.ghtml>. Acesso em: 15 jan. 2020.

CÔRTES, P. L. Administração de Sistemas de Informação. São Paulo: Saraiva, 2008.

GALVIS, A. H. Ingeniería de software educativo. Bogotá: Ediciones Uniandes, 1992.

GOES, E. R.; GOMES, L. B.; ZACARIAS, R. A. S. Plataforma Moodle como ferramenta eficaz na elaboração de curso básico de português como língua estrangeira. Revista EntreLínguas, [S.l.], p. 19-34, nov. 2017. Disponível em: . Acesso em 28.nov.2019.

HALL, R. H. Organizações – estruturas, processos e resultados. 8. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2004.

IFRN. Instituto Federal do Rio Grande do Norte. IFRN lança sistema próprio de administração acadêmica. Pau dos Ferros, 2016. Disponível em: . Acesso em: jan. 2020.

KROENKE, D. M. Sistemas de informações gerenciais. São Paulo: Saraiva, 2012.

LAUDON, Kenneth; Jane Laudon. Sistemas de informações gerenciais. 9.ed. São Paulo: Person Prentice Hall, 2010.

LAURINDO, F. J. B. et al. O papel da tecnologia da informação (TI) na estratégia das organizações. Gest. Prod., São Carlos, v. 8, n. 2, p. 160-179, Ago. 2001. Disponível em: . Acesso em: 17. dez. 2019.

LOPES, A. M.; GOMES, M. J. Ambientes de aprendizagem no contexto do ensino presencial: uma abordagem reflexiva. In DIAS, Paulo et al. [Org]. Challenges 2007: actas da V Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação. Braga: Centro de Competência da Universidade do Minho, 2007, Disponível em: . Acesso em nov. 2019.

MOZZAQUATRO, P. M.; MEDINA, R. D. Avaliação do Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle sob diferentes visões: aspectos a considerar. Novas tecnologias na Educação, CINTED – UFRGS, Porto Alegre, v. 6, n. 2, dez., 2008. Disponível em: < https://seer.ufrgs.br/ren%20ote/article/view/14508>. Acesso em: nov.2019.

O’BRIAN, J. Sistemas de informação e as decisões gerenciais na era da internet. 3. ed. São Paulo: Saraiva, 2010.

PEREIRA, A. T. C.; SCHMITT, V.; DIAS, M. R. C. Ambientes Virtuais de Aprendizagem. In: PEREIRA, A. T. C. (Org). AVA - Ambientes Virtuais de Aprendizagem em diferentes contextos. Rio de Janeiro: Moderna, 2007. Disponível em: < http://www.pucrs.br/ciencias/viali/tic_literatura/artigos/ava/2259532.pdf>. Acesso em: dez. 2019.

PEREZ, G. et al. Tecnologia de informação para apoio ao ensino superior: o uso da ferramenta Moodle por professores de ciências contábeis. Revista de contabilidade e organizações, 2012, 6(16), 143-164. Disponível em: . Acesso em: 20. out.2019.

PRIMO, L. Auto-Avaliação na Educação a Distância uma alternativa viável. Anais...Prodepa, 2008. Disponível em: . Acesso em: 05 dez. 2019.

REED, M. Teorização Organizacional: um campo historicamente contestado. In. CLEGG, S; HARDY, C. NORD, W. Handbook de estudos organizacionais. v. 1. São Paulo: Atlas, 2007.

RIBEIRO, E. N.; MENDONÇA, G. A.; MENDONÇA, A. F. A importância dos Ambientes Virtuais de Aprendizagem na busca de novos domínios na EAD. Anais... Abed, 2007. Disponível em: . Acesso em: 23 out. 2019.

SANTOS, S. A. et al. Uso pedagógico do ambiente virtual de aprendizagem Moodle como apoio a aula presencial. Revisa EDaPECI, v.16, n.1, p. 78-94, (2016). Disponível em: . Acesso em: 14 de dez. 2019.

SOUZA, A. P.; SILVA, D. C. S.; MATOS. K.G. A importância da utilização ferramentas do moodle na educação a distância. Revista EDaPECI, São Cristóvão (SE) v.15. n. 3, p. 656-669 set. /dez. 2015. Disponível em: < https://seer.ufs.br/index.php/edapeci/article/view/4610 >. Acesso em: dez.2019.

TAJRA, S. F. Informática na educação: novas ferramentas pedagógicas para o professor na atualidade. São Paulo: Érica, 2008.

TAKEDA, R. A. et al. Percepção dos alunos do curso de engenharia civil da UFSCar sobre o uso do AVA Moodle como ferramenta de apoio ao ensino presencial. In: XLI CONGRESSO BRASILEIRO DE EDUCAÇÃO EM ENGENHARIA, 2013, Gramado. Anais... Gramado: COBENGE, 2013. ). Disponível em: . Acesso em: nov.2019.

TATSCH, B; JAMMAL, M; RIBEIRO, P. C. Satisfação do cliente interno da tecnologia da informação: o caso do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) Universidade Positivo, Curitiba, 2008. Disponível em: https://apps.tre-pr.jus.br/internet2/download/downloadbyID.do?id=1273788845719&modelo=eje&nome=satisfacao_do_cliente.pdf. Acesso em: 30. out. 2019.


DOI: http://dx.doi.org/10.18265/2526-2289v6n4p%25p

O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 104

Total de downloads do artigo: 80