Diagnóstico do uso de agrotóxicos nos PISG e PIVAS, PB.

Francisco Guimarães Lopes

Graduado em Agroecologia pelo IFPB Brasil

Graduado em Agroecologia pelo IFPB

Joserlan Moreira Nonato

Instituto Federal da Paraíba Campus Sousa e Universidade Federal de Campina Grande, Brasil

Professor do Departamento de agroecologia e do Pprograma de Pós-graduação em sistemas agroindustriais da UFCG

Mateus Gonçalves Silva

Graduado em Agroecologia, Instituto Federal da Paraíba, Campus Sousa Brasil

Graduado em Agroecologia, Instituto Federal da Paraíba, Campus Sousa

Patrícia Diógenes de Melo Brunet

Instituto Federal da Paraíba (IFPB) Brasil

Mestrado,Professora do Curso de Agroecologia, Bacharel em Diretio

Danielle Maria do Nascimento

Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) Brasil

Graduada em Agroecologia pelo Instituto federal da paraíba (IFPB)

Resumo

Apesar das graves consequências que as substâncias químicas causam para o meio ambiente e saúde humana, a utilização de agrotóxicos nas lavouras ainda é uma prática constante. O uso inseguro desses produtos pode ser elevado, em maior grau de risco, pela manipulação e descarte (embalagens) incorretos. O trabalho teve por objetivo realizar diagnóstico acerca da utilização de agrotóxicos por agricultores nos Perímetros Irrigados de São Gonçalo (PISG) e Várzeas de Sousa (PIVAS), PB. Para realização da pesquisa, foi elaborado um questionário do tipo semiestruturado e aplicado através de visitas, in loco, a 210 colonos e agricultores no período de abril a agosto de 2017. Os agricultores entrevistados trabalham a mais de 40 anos na agricultura familiar e afirmam sempre ter usado agrotóxicos em suas lavouras. Constatou-se que o uso dos agroquímicos é feito de forma desordenada e sem orientação, com armazenamento e descarte de embalagens de forma irregular.

Texto completo:

Referências


ANVISA, Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Divulgado o monitoramento de agrotóxicos em alimentos. Brasília, DF. Publicado em 15 de abril de 2009. Disponível em: . Acesso em: 10 /07/2017.

BEDOR, C. N. G.; RAMOS, L. O.; RÊGO, M. A. V.; PAVÃO, A. C.; AUGUSTO, L. G. S. Avaliação e reflexão da comercialização e utilização de agrotóxicos na região do submédio do vale do São Francisco. Revista Baiana Saúde Pública, n. 31, p. 68-76. 2007.

BONI, Valdete. Produtivo ou Reprodutivo: O trabalho das mulheres nas agroindústrias familiares - um estudo na região oeste de Santa Catarina. Dissertação de mestrado. Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política. Universidade Federal de Santa Catarina: 2005.

BOHNER, T. O. L.; ARAÚJO, L. E. B.; NISHIJIMA, T.; O impacto ambiental do uso de agrotóxicos no meio ambiente e na saúde dos trabalhadores rurais. In: I Congresso Internacional de Direito Ambiental e Ecologia Política e Direito na América Latina. Revista Eletrônica do Curso de Direito. UFSM, 2011.

BULOW, A. E. O homem do campo e os agrotóxicos: práticas e discursos no município de Novo Cabrais, RS. 2008. Dissertação (Mestrado em Geografia) – UFSM.

CASTRO, J.S.M, CALFOLONIERI, U. Uso de agrotóxicos no Município de Cachoeiras de Macacu. Ciências e Saúde Coletiva, v.7, n(2): p.299-311, 2005.

CERQUEIRA, Gilberto Santos et al. Uso de anfetaminas entre caminhoneiros: um estudo transversal. RevInter Revista Intertox de Toxicologia, Risco Ambiental e Sociedade, v.4, n.2, p.76-86, jun. 2011.

CONSTANZA, R.; D’ARGE, R.; GROOT, R.; FARBERK, S.; GRASSO, M.; HANNON, B.; LIMBURG, K.; NAEEM, SHAHID.; O’NEILL, ROBERT.; PARUELO,J.; RASKIN, R.G.; SUTTON, P.; VAN DEN BELT, M. 1997. The value of the world’secosystem services and natural capital. NATURE. 387, 253-260.

DOMINGUES, M. R.; BERNARDI, M. R.; ONO, E. Y. S. e ONO, M. A. Agrotóxicos: risco à saúde do trabalhador rural. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde, Londrina, v. 25, p. 45-54, jan.- dez. 2004.

GARCIA, E. G.; ALMEIDA, W. F. Exposição dos trabalhadores rurais aos agrotóxicos no Brasil. RevBras Saúde Ocup, v. 19, n. 72, p. 7-11, 1991.

GARCIA, E. G.; ALVES FILHO, J. P. Aspectos de prevenção e controle de acidentes no trabalho com agrotóxicos. São Paulo: Fundacentro, 2005.

GEOGRAFICOS: Coordenadas Geográficas. Disponível em: . Acesso em: 01/07/2017.

GIANNINI, T.C.; BOFF, S.; CORDEIRO, G.D.; CARTOLANO Jr, E.A.; VEIGA, E.A.K.; IMPERATRIZ-FONSECA, V.L.; SARAIVA, A.M. Crop pollinators in Brazil: a review of reported interactions. Apidologie. n.46, p.209–223, 2014.

LIMA, C. A. B. de; GRÜTZMACHER, D. D.; KRÜGER, L. R. e GRÜTZMACHER, A. D. Diagnóstico da exposição ocupacional a agrotóxicos na principal região produtora de pêssego para indústria do Brasil. Ciência Rural, Santa Maria, v. 39, n. 3, p. 900-903, mai-jun, 2009.

LISBOA, R.; SENA, J.; DUTRA, T. Uso de agrotóxicos na produção de hortaliças da bacia hidrográfica do Natuba, afluente do Tapacurá, Pe e consequências sobre o meio ambiente e saúde dos agricultores. In: II Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica João Pessoa, PB. 2007.

LUSA, M. G. Políticas Públicas no Semiárido Alagoano e a Resistência Quilombola e Camponesa Frente à Exploração Capitalista. In: VI Jornada Internacional de Políticas Públicas: o desenvolvimento da crise capitalista e a atuação das lutas contra a exploração, a dominação e a humilhação, 4. Maranha, 2013. Maranhão, 2013.

MINUANO. Carlos. Brasil: liderança no uso de agrotóxicos. 2013. Disponível em: . Acesso em 17 /08/2017.

MOREIRA, J. C. et al. Avaliação integrada do impacto do uso de agrotóxicos sobre a saúde humana em uma comunidade agrícola de Nova Friburgo, RJ. Rev C S Col, v. 7, n. 2, p. 299-311, 2002.

NASCIMENTO, D. M.; RODRIGUES, M. H. B. S.; LOPES, F. G.; SILVA, S. N.; SIQUEIRA, E. C.; Avaliação do conhecimento dos agricultores (as) quanto aos riscos dos agrotóxicos e os cuidados com o seu uso: O caso do assentamento Nova Vida I no município de Aparecida-PB. In: Seminário de Agroecologia e Tecnologia Sustentáveis. Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências Humanas, Sociais e Agrárias. Campos III - Bananeiras/PB, 2014.

OLLERTON, J.; WINFREE, R.; TARRANT, S. 2011. How many flowering plants arepollinated by animals? Oikos. 120, 321–326. organizacional. São Paulo: Atlas, 2008.

PERES, F.; MOREIRA, C. J.;Saúde e ambiente em sua relação com o consumo de agrotóxicos em um pólo agrícola do Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Saúde, Ambiente e Agrotóxicos, 2007.

PIGNATTI, W. A.; MACHADO, J. M. H.; CABRAL, J. F. Acidente rural ampliado: o caso das “chuvas” de agrotóxicos sobre a cidade de Lucas do Rio Verde – MT. Rev C S Col,v. 12, n. 1, p.105-114, 2007.

PIMENTEL, D.; Techniques for reducing pesticide use. Economic and environmental benefits. John Wiley & Sons Editorial, Cornell University, NY, USA, p.12-27, 1997.

PIRES, D., X. ,CALDAS, E. ,D. ,RECENA, M. ,C. ,P. ,Uso de agrotóxicos e suicídios no estado do Mato Grosso do Sul, Brasil. Caderno de Saúde Pública, v.21, n.2, p.598-605, 2005.

RANGEL,C.F.; ROSA,S.C.A.; SARCINELLI ,N.V. Uso de agrotóxicos e suas implicações na exposição ocupacional e contaminação ambiental. Cad. Saúde Colet., 2011, Rio de Janeiro, 19 (4): 435-42.

SILVA, J. M.; NOVATO-SILVA, E.; FARIA, H. P.; PINHEIRO, T. M. M. Agrotóxico e trabalho: uma combinação perigosa para a saúde do trabalhador rural. Ciênc. Saúde Coletiva, v. 10, n. 4, 2005.

SILVA, R. P.; Análise e implicação do uso de agrotóxico em coqueiro no Perímetro Irrigado de São Gonçalo – Sousa/PB. Mossoró, 2013. 100 f.: il.

YAMASHITA, O. M.; ZONTA, F.; MACHADO, R. A. F. Influência de doses e de épocas de aplicação de 2,4-D nos componentes da produtividade de arroz. Revista de Ciências Agro-Ambientais, Alta Floresta, v.6, n.1, p.39- 45, 2008.


O arquivo PDF selecionado deve ser carregado no navegador caso tenha instalado um plugin de leitura de arquivos PDF (por exemplo, uma versão atual do Adobe Acrobat Reader).

Como alternativa, pode-se baixar o arquivo PDF para o computador, de onde poderá abrí-lo com o leitor PDF de sua preferência. Para baixar o PDF, clique no link abaixo.

Caso deseje mais informações sobre como imprimir, salvar e trabalhar com PDFs, a Highwire Press oferece uma página de Perguntas Frequentes sobre PDFs bastante útil.

Visitas a este artigo: 214

Total de downloads do artigo: 288